Sinais De Perturbação de Ansiedade
Março 20, 2017
Rastreio de Terapia da Fala Gratuito – 6 de Maio 2017!
Abril 8, 2017

PSICOLOGIA&NUTRIÇÃO

A PsicoNutri baseada no seu principal conceito: a Psicologia aliada à Nutrição, disponibiliza um plano de mudança de hábitos alimentares, que procura ajudar amplamente todos aqueles que têm como objetivo o emagrecimento, e não só, a alcançar os melhores resultados sem recurso a suplementos ou outras substâncias da moda, permitindo um emagrecimento saudável, sustentado e equilibrado física e mentalmente.

A Psicologia tem um papel de intercomplementaridade face à Nutrição no que respeita ao comportamento alimentar. A intervenção da psicologia pode ajudar, por exemplo, quer no inicio de um plano de perda de peso quer num nível mais avançado desse processo. O acompanhamento psicológico, baseado na terapia cognitivo-comportamental, é também uma mais-valia na adesão ao tratamento, na gestão motivacional ao longo das várias fases de perda de peso e na forma como são encarados os sucessos e possíveis retrocessos ao longo da reeducação alimentar. É um importante aliado ao trabalhar todos os comportamentos, pensamentos e sentimentos envolvidos no processo de perda de peso e hábitos alimentares mais disfuncionais.
Num caso em que a perda de peso é o objetivo, é indispensável a conjugação da NUTRIÇÃO (com base na reeducação alimentar), do DESPORTO (com a prática de atividade física) e da PSICOLOGIA (na promoção do equilíbrio psicológico). Ainda que muitas vezes descorado, o acompanhamento psicológico vai ajudar a identificar e a mudar os pensamentos, sentimentos e comportamentos disfuncionais associados ao comportamento alimentar.
São muitos e comprovados os benefícios de uma abordagem da nutrição aliada à psicologia no emagrecimento e estado físico e psíquico do paciente. Sentimentos como tristeza, baixa autoestima, depressão, ansiedade interferem de forma negativa na mudança do comportamento alimentar, enquanto a motivação e a alegria interferem de forma positiva e vice-versa dependendo da pessoa. As estratégias de intervenção / distração, como a prática de atividades físicas / exercício físico, auxiliam na redução de doenças físicas e sintomas psicológicos e uma ação multiprofissional, baseada em sessões de psicologia e nutrição, que visem a modificação do estilo de vida, é responsável por estimular o paciente a participar no tratamento proposto, obtendo-se respostas terapêuticas mais eficazes.